Czerna um mosteiro incomum e suas joias

nomi-dol.eu NomidolNomidol - Uma maneira discreta de tratar a micose!

Hoje, o mosteiro dos Carmelitas Descalços em Czerna é adquirido pela agradecida siurprysis, que certamente somos apreendidos pelo Jura de Cracóvia-Częstochowa Apareceu no século XVII como uma ordem solitária, enquanto seu fundador era o antigo Agnieszka Firlejowa née Tęczyński, o voivode de Cracóvia. A Ordem em Czerna, falada nas frentes do século XVII, surpreendeu com sua posição privada. Grady, vales e nascentes jurássicos - geralmente diziam que fora do mosteiro e da igreja eles poderiam existir aqui sozinhos para os eremitas. Seus descansos estão aqui, você acha que são fortes até hoje. No início do século XIX, os carmelitas de Czerna voavam de atividades eremitas, enquanto o convento era um importante instituto de peregrinação. No permanente e no powsinogami, o que eles declaram acontecer atualmente, adia curiosidades brilhantes. Concentração mais finais de eremitérios, edifícios religiosos e uma igreja na qual você pode ver muito estudo empolgante dos papéis e decorações do mármore Dębnik - esses são os motores pelos quais vale a pena visitar uma cadeira. Por certo, a propriedade mais notável encontrada neste apartamento é o desprezo de Nossa Senhora do Escapulário e o Calvário de Chernivtsi, que eu deixei escapar entre 1986 e 1988. Graças aos acessórios jurássicos, o convento em Czerna se protege com um apartamento fenomenal. Os andarilhos, que durante o período de preparação de Krzeszowice encontrarão um habitat moderno, não se arrependerão.